Nesta sexta-feira (21), o diretor Diogo Segalen receberá a visita do reitor eleito Júlio César dos Santos

O Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) Campus Rondonópolis passa a ter uma nova gestão neste ano de 2021. O diretor eleito em 2019 com 39,91% dos votos, o professor e doutor Diogo Segalen, comandará o Campus pelos próximos quatro anos.

Diogo assumiu o cargo no dia 19 de abril, e junto com a nova equipe enfrenta o desafio da continuidade das aulas no formato online devido à pandemia, e o investimento em melhorias na estrutura do Campus.

Sobre a questão estrutural do Campus, que é um dos problemas que preocupa todos os gestores que já passaram pela direção, Diogo informou que será prioridade a continuação das melhorias, através da  busca pela licitação dos projetos e a execução das obras. Contudo, o professor reconhece que a questão orçamentária será um obstáculo, mas que esse problema não será um impedimento para a sua gestão.

E ainda sobre enfrentar desafios, foi pontuado que atualmente o enfrentamento da pandemia é o principal problema dentro da comunidade escolar. “A crise mundial que a pandemia nos trouxe é, com certeza, o maior dos desafios da humanidade. Gerir uma instituição em meio às incertezas que o momento nos traz é desafiador. A crise econômica nacional também é uma preocupação. No entanto, com diálogo, dedicação e planejamento vamos vencer os obstáculos”, pontuou.

Os setores de Pesquisa e Extensão, que fazem parte do tripé da educação no IFMT, juntamento com o ensino, terão um espaço ainda maior de destaque, pois desempenharão um papel de envolver mais os servidores para que sejam criados mais projetos com parcerias internas e externas em Rondonópolis.

“Toda a comunidade que está envolvida no IFMT Campus Rondonópolis pode esperar por dias cada vez melhores. O diálogo será o primeiro passo da equipe de gestão. Todos serão ouvidos, pois, a partir desta escuta tomaremos providências. O ensino cada vez mais forte e consolidado com servidores envolvidos e uma administração de muitas novidades e ações para a comunidade em geral. Ir além é o lema da gestão, por dias cada vez melhores”, finalizou o professor Diogo.

Além da mudança na direção do Campus Rondonópolis, o IFMT também elegeu um novo reitor para gerir todo o Instituto, o professor de história e ex-diretor do Campus Alta Floresta, Julio César dos Santos.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta