Perda do paladar e olfato, exaustão, dificuldades respiratórias … Existem muitas manifestações de uma infecção por Covid-19.

Agora, novos sintomas despertam a curiosidade da comunidade científica: o aparecimento de lesões estranhas nas mãos ou nos pés, conforme especificado em estudo divulgado em 26 de janeiro de 2021 e disponível no British Journal of Dermatology.

Na Espanha, os cientistas responsáveis ​​por este estudo analisaram 666 pacientes positivos para o coronavírus e sofrendo de pneumonia leve ou moderada.

Além da perda do paladar, 40% deles apresentavam sintomas cutâneos como sensação de queimação, ou aparecimento de vermelhidão, lesões ou até mesmo “pequenas saliências” nas palmas das mãos ou na sola dos pés.

Ao todo, um em cada dez pacientes teve erupções na pele.

Este não é o único estudo que fez a ligação entre coronavírus e problemas de pele: em abril passado, os médicos já alertavam sobre a possibilidade de aparecimento de erupções cutâneas em pacientes com o coronavírus.

Este novo estudo, portanto, reforça as observações do epidemiologista Tim Spector, que destacou o fenômeno denominado “linguagem disfarçada”: quando o órgão apresenta feridas, queimaduras ou mudança de cor.

Observe, portanto, que uma língua inchada ou com lesões incomuns pode ser um sintoma do coronavírus.

Via | Isto É

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta