Policiais do Bope prenderam nesta terça-feira (12.01) dois homens, por estelionato. Durante o registro, foi descoberto que o responsável pelo golpe é procurado da justiça com três mandados de prisão em aberto.

Os agentes foram informados que um homem tinha realizado na semana passada uma grande compra em uma loja de materiais de construção e teria estornado o pagamento junto à empresa de cartão de crédito.

Ele teria realizado o mesmo procedimento em outras ocasiões. Devido à situação, uma equipe de policiais acompanhou o carregamento dos produtos e seguiu em monitoramento até o bairro Pedra 90.

No local, os produtos eram desembarcados e os policiais decidiram iniciar o procedimento de abordagem. O motorista de um HB20 branco, que acompanhava o descarregamento de dentro do carro, saiu em alta velocidade e iniciado o acompanhamento. Ele seria o suspeito de aplicar o golpe.

Em alta velocidade, não atendia a ordem de parada e colocava a própria vida e de outras pessoas em risco. Um dos policiais atirou nos pneus, mas não acertou.

Depois de alguns quilômetros, o motorista bateu de frente com outro carro, um Ford Verona, causando ferimentos leves nele e no outro condutor. Foi acionada uma equipe do Samu que encaminhou o suspeito até o Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá que segue internado até o registro da ocorrência. Ele permanece sob custódia e será encaminhado à delegacia.

No imóvel, uma mulher que seria a dona da casa fugiu. O homem que descarregava o material tentou fugir, mas foi contido e detido. Foram apreendidos o HB20 e uma motocicleta e o material devolvido à empresa.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Via | G1

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *