O deputado estadual Thiago Silva (MDB) esteve nesta terça-feira (15) na Fundação Nova Chance, no bairro Boa Esperança em Cuiabá, para debater a política pública de ressocialização no estado. Thiago Silva defende oportunidades para que os reeducandos possam se sentir reinseridos na sociedade.

Participaram da reunião junto do parlamentar a presidente da Funac Dinalva Oriede, chefe de gabinete Jucelma Ferreira, diretora Thais Aquila e assistente Jane Nascimento, que apresentaram a metodologia de atendimento do “Escritório Social” da Funac, inaugurado recentemente em 19 novembro. A fundação é ligada ao Conselho Nacional de Justiça e Secretaria de Estado de Segurança Pública.

O trabalho da fundação consiste em fazer um atendimento individualizado para que cada reeducando possa se sentir inserido de forma natural na sociedade, com atendimento de saúde, orientação social e psicológica, de acordo com cada pessoa. A Funac conta hoje com 35 funcionários e faz atendimento a aproximadamente 4.000 reeducandos de Cuiabá e Várzea Grande.

“Quero reafirmar o meu compromisso com a instituição para juntos ampliar os serviços prestados de forma exemplar pela fundação em todo o estado, para que possamos ressocializar cada indivíduo da melhor forma possível no contexto social”, disse Thiago Silva.

A presidente Dinalva agradeceu a visita do deputado Thiago e elogiou os seus serviços prestados em prol da ressocialização nos municípios de Mato Grosso.

Para ajudar na ressocialização, o deputado Thiago Silva firmou neste mandato parceria com a Secretaria de Estado de Segurança Pública para reformar espaços públicos por meio da mão de obra dos reeducandos. Essa parceria já realizou trabalho no centro comunitário do Jardim Carlos Bezerra, Mathias Neves, Escola Estadual Silvestre, Escola Antônio Balbino, Escola Maria Elza Ferreira, Escola Lucas Pacheco, Escola Odorico Leocadio e Cefapro de Rondonópolis, Base da Polícia na Vila Operária e também no Luz D’yara e Unemat Alto Araguaia.

Via | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *