Os últimos dias foram de forte calor e pouca chuva no Centro-Oeste do Brasil. As pancadas verificadas foram isoladas, sem grandes acumulados. Essa situação persiste nos próximos dias, com forte calor e chuvas mal distribuídas.

A presença de uma massa de ar quente que cobre o Centro-Oeste do Brasil dificulta a formação de instabilidades na maior parte da Região, com tempo aberto e mais horas de sol, a temperatura sobre pra valer e o calor é intenso.

Na imagem abaixo verificamos a previsão de acumulados de chuva até o próximo sábado, dia 5 de dezembro. Até lá, há previsão de um pouco mais de umidade apenas no sul de Mato Grosso do Sul. As demais áreas tem chuva bem isolada sem previsão de acumulados significativos.

A boa notícia é que a partir do próximo domingo, dia 6 de dezembro, as condições meteorológicas mudam. O enfraquecimento do ar quente e seco que predomina sobre a Região volta a permitir a chegada de umidade ao Centro-Oeste.

As condições vão ser mais favoráveis para a formação de instabilidades que irão permitir o retorno das chuvas mais generalizadas e com volumes significativos.

Confira abaixo os acumulados previstos para o período entre 6 e 15 de dezembro.

Fonte | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *