A maioria das cidades têm locais para a prática do esporte, que está mais profissional e atrai os mais jovens

Powered by Rock Convert
O skate surgiu na Califórnia no início dos anos 60 como uma adaptação do surfe, chamado de “surfe no asfalto”. Porém, só ganhou notoriedade nos anos 70. Hoje ele é o sétimo esporte mais praticado no Brasil, e em 2016 o Comitê Olímpico Internacional anunciou que a modalidade passaria a configurar o quadro como uma modalidade olímpica, com estréia em Tóquio.
O Brasil, tem uma forte expressão no skate internacional tendo consagrado nomes como Bob Burnquist e Sandro Dias “Mineirinho”. E, na década de 90, ser amplamente divulgado por bandas como Charlie Brown Jr e Ratos de Porão, como uma representação da cultura de rua e um hobbie. Agora, sagrando se como uma modalidade olímpica, a profissionalização através do esporte já é percebida pelas gerações mais novas.
Influenciada pelos irmãos mais velhos, que já andavam Fernanda Tonissi (14), iniciou os treinos na pista do Esporte Clube Pinheiros aos 5 anos de idade. “Sempre foi algo natural para mim ver meus irmãos andando, queria praticar desde nova. E algo também muito importante é que tenho o total apoio da minha família”, conta Fernanda.
Em 2019, com 13 anos ela conquistou o Campeã Brasileira de Banks na categoria Iniciante (Skate Park) e agora sonham em seguir a carreira no amador, até se profissionalizar. No Clube, ela também pratica saltos ornamentais e o que pode parecer totalmente oposto, para ela é um diferencial “Além do físico e expandir meus movimentos, me ajuda principalmente a ser centrada e focada nas competições e isso faz toda a diferença”, explica Fernanda.
Cristiano Rosa (34), há 8 anos instrutor da modalidade no Esporte Clube Pinheiros vê com bons olhos o destaque da jovem “Ela se tornou uma grande inspiração, principalmente para as meninas a começarem a praticar o esporte”. Ele que jamais imaginou que o hobbie se tornasse profissão, enxerga na nova geração desmistificando que o esporte seja só um passatempo.
Agora o Esporte Clube Pinheiros iniciou uma reforma nas duas pistas do clube, que possui a Bowl ( uma piscina para manobras) e uma área de Street (com obstáculos, como corrimões e rampas). “A principal mudança, além da ampliação de toda a área será o piso, que era antigo e agora investimos na mais alta tecnologia. Além de melhorarmos a borda e a profundidade. O street terão novos obstáculos e um “mini ramp”. A ideia é que a pista sirva de celeiro para os novos nomes da modalidade e quem sabe um dia estaremos nas olimpíadas também!”, comenta Ana Giorgi Diretora do Skate do Esporte Clube Pinheiros. O investimento do clube será de 700 mil reais e o término das obras está previsto para março de 2021.
Sobre o Esporte Clube Pinheiros
O ECP- Esporte Clube Pinheiros – nasceu em 1899 com a vocação para o esporte, cultura e educação. Com mais de 38.500 mil associados, a instituição entrega ao mundo atletas de alto rendimento, ensino de qualidade, e atividades dentro e fora do ECP que resgatam a sinergia entre as pessoas. Trata-se do maior clube da América Latina que agrega pessoas de várias faixas etárias, etnias, nacionalidades, e etc. A diversidade e o respeito são as nossas bases. Com uma infraestrutura adequada e tecnológica, o Clube torna-se referência no esporte para os associados, parceiros, e brasileiros.
Fonte | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *