O candidato a prefeito Thiago Muniz (DEM) em companhia de seu vice Ibrahim Zaher (PSB) conversaram com professores e profissionais da educação na noite desta terça-feira (03). Eles apresentaram as propostas que a coligação “Unir para Crescer” tem para o setor e asseguraram apoio às reivindicações apresentadas pelos profissionais.

Na conversa com os servidores Thiago destacou enfatizou a necessidade de fazer mudanças na área de recursos humanos e de investir mais na infraestrutura das unidades escolares. Também defendeu a valorização dos concursos como forma de dar mais estabilidade às equipes da rede municipal de ensino.

“Tenho o compromisso de chamar o restante dos aprovados do concurso da Educação e realizar um novo concurso, diminuindo o número de terceirizados e dos contratos precários na pasta. Como vereador lutei muito para que os concursados fossem chamados, mas a atual administração resiste até a cumprir as decisões judiciais neste sentido. Como prefeito vamos mudar isso, dando transparência às ações e valorizando os trabalhadores, disse.

Outro ponto que Thiago já adiantou que vai rever na sua gestão é a exigência da realização de um curso de 240 horas para a progressão de nível na carreira dos professores. “Isso não faz sentido. Vamos acabar com esta exigência já no primeiro mês da gestão. Não é justo que a pessoa que já fez um curso para se pós graduar ou doutorar e ainda de fazer mais um curso. Isso foi um erro que partiu de uma emenda ao PCCS, e vamos fazer a correão”, garantiu.

Um dos aprovados no concurso da Educação em 2015, ainda na gestão do ex-prefeito Percival Muniz foi Juliano Almeida, que precisou recorrer à Justiça para garantir seu direito. Ele conseguiu uma decisão favorável nos tribunais e mesmo assim há mais de um ano aguarda a convocação. “A prefeitura continua protelando a cumprir a determinação judicial, sempre entrando com recursos ou embargos. Na mesma situação estão cerca de 130 pessoas que já poderiam estar trabalhando e dando a sua contribuição à nossa Educação. O Thiago desde o início apoiou a causa dos aprovados, abrindo espaço que fossemos ouvidos. Tenho certeza que fará justiça chamando o restante dos aprovados caso seja eleito prefeito”, finalizou.

A coligação “Unir para Crescer” é composta pelos partidos MDB, PSB, PDT, PSC e Democratas.

Fonte | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta