A manutenção de 860 quilômetros de estradas rurais, melhorando a vida dos produtores da agricultura familiar, foi uma das marcas da atual gestão do prefeito José Carlos do Pátio (SD). Além disso, a volta do programa de perfuração de poços artesianos, a escavação de tanques de piscicultura, construção de um abatedouro e frigorífico de pescado e criação de um Centro de Apoio ao Agricultor Familiar, são outras ações que mostram a atenção que se deu a quem é o responsável por colocar alimentos na mesa da população.

A recuperação e manutenção das estradas rurais, com patrolamento e encascalhamento,  não melhorou apenas a vida dos pequenos produtores rurais, que podem escoar sua produção em vias adequadas. Beneficiou também moradores de sítios e chácaras das regiões atendidas. O programa de manutenção de 860 quilômetros de estradas foi iniciado em 2018. Antes, em 2017, a administração municipal se dedicou à recuperação da frota utilizada pelas secretarias, que estava sucateada.

Com a formalização de convênios em 2017, foi possível a aquisição de veículos que renovaram não só a frota da Coder (Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis), que era a responsável pela manutenção das estradas, mas também a da Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária, que a partir de 2018, com sua frota de veículos e equipamentos renovada, passou a se responsabilizar pela melhoria das vias rurais. Na secretaria, a prefeitura investiu R$ 4,6 milhões (recursos próprios e convênios) na aquisição de 20 novos veículos, incluindo 3 carros Fiat Strada e  17 caminhões (tipos carga seca, caçamba, pipa, melosa, trucado e isotérmicos).

A prefeitura investiu também mais R$ 6,482 milhões (recursos próprios, convênios e Fethab) renovando a frota da Secretaria de Agricultura com a aquisição de 32 novos equipamentos, incluindo 3 motoniveladoras, 2 retroescavadeiras, 1 pá carregadeira, 3 escavadeiras hidráulicas, 8 tratores, 9 grades aradoras, 1 grade niveladora, 2 carretas agrícolas, 1 caminhão carga seca, 1 rolo compactador, 1 semi reboque. Assim, com a incorporação de novos veículos à frota, a prefeitura pode fazer 864 atendimentos com caminhões beneficiando os agricultores da zona rural na hora de transportar a produção.

POÇOS ARTESIANOS

Para garantir o abastecimento de água potável nas comunidades rurais e indígenas, o prefeito José Carlos do Pátio reativou o programa “Água para Todos”, que foi iniciado em sua primeira gestão (2009 a 2012) e que havia sido suspenso por seu sucessor. Por meio de convênios com a Funasa (Fundação Nacional da Saúde) e com recursos próprios a secretaria de Agricultura investiu R$ 5,263 milhões na perfuração de 21 poços artesianos, construção de bases, reservatórios e redes de água, beneficiando 14 comunidades, cinco assentamentos e duas aldeias indígenas. Também foram aplicados mais R$ 152,3 mil na construção de redes de água na aldeia Tadarimana e no assentamento Água da Serra.

OUTRAS AÇÕES DA PREFEITURA

POVOS INDÍGENAS

Em quatro anos de gestão, a prefeitura realizou em 211 hectares de terras indígenas o plantio de milho, mandioca, batata doce e feijão. Ainda em 80 hectares realizou gradeação, executou a escavação de 8 tanques de piscicultura, perfurou 3 poços artesianos, reformou 1 farinheira, adquiriu 1 caminhão carga seca, 1 trator com prancha, 1 grade aradora e 1 grade niveladora.

APOIO À ASSENTAMENTOS

Nestes últimos quatro anos a Secretaria de Agricultura e Pecuária executou serviços de gradeamento em 4.943 hectares em assentamentos, comunidades e chácaras. Nestes quatro anos, a prefeitura também apoiou assentados e chacareiros na área animal e agrícola, prestando 1.164 visitas de assistência técnica.

SERVIÇO DE INPEÇÃO MUNICIPAL (SIM)

De 2017 a 2020, o SIM realizou 62 trabalhos de orientações técnicas.

APOIO ÀS ASSOCIAÇÕES

Em 2019 foram repassados 3 tratores para a Associação do Centro Social Cristão de Nova Galileia, Associação dos Pequenos Produtores Rurais da Gleba Selva de Pedra e Gleba São José da Boa Esperança (Rodovia do Peixe) e a Associação das Mulheres do Assentamento Olga Benário. Como auxílio financeiro, foram repassados ainda R$ 51.598,38 para finalizar a construção do abatedouro de frango no Assentamento Banco da Terra Esperança. Em 2020, a prefeitura inaugurou o Frigorífico Municipal de Pescado no Distrito de Boa Vista.

HORTAS COMUNITÁRIAS

Entre 2017 e 2020, a Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária elaborou 90 projetos para a implantação de hortas comunitárias no município.

DISTRIBUIÇÃO DE SEMENTES

De 2017 a 2020, a secretaria distribuiu 616 quilos de sementes de hortaliças, forrageiras e milho.

Fonte | Assessoria

Powered by Rock Convert
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *