Serão selecionados os 100 melhores produtos inovadores que receberão premiações. Além disso, os 10 melhores projetos empreendedores também ganharão prêmios

A Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), por meio do Parque Tecnológico Mato Grosso, recruta empresas, startups e inventores individuais que tenham projetos, serviços ou produtos voltados ao mercado tecnológico, para participarem da exposição internacional ‘Ipiec Global’, que acontecerá em dezembro na cidade de Guangzhou, na China. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado (Sedec) e a Casa Civil também são parceiras da ação.

Com o tema “Faça sua história acontecer na China”, o IPIEC Global é considerado pelo quarto ano consecutivo um ponto de apoio aos empreendedores, que desejam atuar no mercado chinês. Este ano devido à necessidade de evitar aglomerações por conta da pandemia da Covid-19, o evento será em formato virtual.

Segundo o secretário da Seciteci, Nilton Borgato, a feira será uma excelente oportunidade para os empresários e empreendedores brasileiros apresentarem suas iniciativas e ainda conquistar espaço em um dos maiores centros tecnológicos do mundo, a China.

“Esta é a primeira vez que um país da América Latina participa deste grande evento e Mato Grosso sai à frente ao dar o suporte por meio do Parque Tecnológico, que além de receber as inscrições das empresas brasileiras, ainda estará auxiliando na seleção dos projetos que se somarão a diversos outros provenientes de vários países. É uma excelente oportunidade não só para os mato-grossenses, mas para todos os brasileiros participarem deste importante evento”, disse.

Rogério Nunes, coordenador do Parque Tecnológico de Mato Grosso, explica que os brasileiros inscritos irão concorrer com outras empresas do mundo todo. E a organização do evento irá selecionar os 100 melhores produtos inovadores, os inventores ganharão prêmios. Além disso, os 10 melhores projetos empreendedores também serão premiados.

“Os participantes vão concorrer em duas categorias: produtos e projetos. No caso de produtos, eles devem ser produtos finalizados e prontos para o mercado chinês, feitos com tecnologia, inovação, especialidade e criatividade. E os projetos devem ser voltados ao agronegócio, inteligência artificial, biomedicina, novos materiais e outros”, falou.

Na categoria de produtos, este será exposto na plataforma Huixuan Global, o primeiro site de comércio da China com foco em propriedades intelectuais, além de 6,5 mil dólares em serviço de marketing na China. E na categoria projetos, os ganhadores receberão 6 mil dólares em serviços de entrada no mercado da China.

As inscrições dos brasileiros podem ser feitas no site do Parque Tecnológico, até o dia 30 de setembro. Em outubro os organizadores do evento vão realizar a seleção das empresas e em dezembro será o evento com apresentação dos produtos e projetos selecionados.

Fonte | Assessoria Seciteci-MT

Powered by Rock Convert
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *