Operação Coincidere deve cumprir cinco mandados de busca e apreensão e 4 de prisão temporária em Cuiabá, Cáceres e São Paulo, decretados pela Justiça Federal de MT.

Powered by Rock Convert

A Polícia Federal realiza nesta terça-feira (4) uma operação contra traficantes investigados por transportar droga da Bolívia em aviões para levar até os portos brasileiros em caminhões. A quadrilha levava a droga para a Europa.

A ‘Operação Coincidere’ deve cumprir cinco mandados de busca e apreensão e 4 de prisão temporária em Cuiabá, Cáceres e São Paulo, decretados pela Justiça Federal de Mato Grosso.

O objetivo é prender uma organização criminosa voltada ao tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro.

Um dos alvos da operação já foi preso semana passada, durante a Operação Alagados, realizada pela Polícia Federal.

Avião é incendiado após interceptação da FAB — Foto: Ciopaer/MT
Avião é incendiado após interceptação da FAB — Foto: Ciopaer/MT

Durante a investigação, a PF identificou organização criminosa estabelecida na região de fronteira de Mato Grosso.

O grupo buscava grandes cargas de cocaína na Bolívia e vendiam a droga na Europa, através dos portos brasileiros.

A droga era trazida da Bolívia por aviões e enviada aos portos em caminhões com compartimentos especialmente preparados.

No decorrer da investigação, foram efetuados duas prisões em flagrante e três apreensões que totalizaram aproximadamente 700 kg de cocaína.

Na última apreensão, após abordagem realizada pela Força Aérea Brasileira (FAB), a aeronave realizou pouso forçado na região de Barão do Melgaço, no Pantanal, e foi incendiada pelo piloto, mas foi possível encontrar vestígios de cocaína no local dos fatos.

Fonte | G1

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *