A campanha lançada pelo Governo de Mato Grosso no dia 3 de abril para incentivar o uso de máscaras faciais contra o coronavírus, intitulada “Eu cuido de você e você cuida de mim”, lançou tendência entre marcas de renome nacional.

Dessa vez quem está reproduzindo campanha semelhante é uma parceria de grandes marcas brasileiras: o jornal Estadão, a plataforma de influencers F-Hits, a artista plástica Paula Costa e a marca de roupas Reserva, que tem o comunicador Luciano Huck como um dos sócios.

Governo e Fiemt fazem parceria para produção de mascaras

As empresas se uniram para a produção de máscaras faciais com a frase “Eu cuido de você e você cuida de mim”. O valor obtido com a venda das máscaras será revertido para um projeto social voltado a fornecer refeições para pessoas em vulnerabilidade.

Mato Grosso foi o primeiro estado a implementar uma campanha que incentiva o uso de máscaras e a estratégia tem sido seguida nacionalmente. A campanha recebeu apoio de artistas regionais, como Pescuma, André D’Lucca e Denner e Douglas , e nacionais, a exemplo dos cantores Alexandre Pires, Sorocaba e Léo Chaves.

Assim como Mato Grosso, outros estados e municípios brasileitos também passaram a tornar obrigatório o uso da proteção facial.

O uso de máscaras é um poderoso instrumento para frear a proliferação do covid-19. De acordo com especialistas em saúde pública, a máscara impede que as gotículas de saliva de um portador do vírus sejam expelidas no ambiente e, consequentemente, evita que outras pessoas entrem em contato com a superfície contaminada.

Um exemplo prático é o balcão de uma loja, de um escritório, ou até de uma mesa. Sem a máscara, uma pessoa contaminada, ao falar, expele gotículas de saliva que ficam sob essa superfície. Outra pessoa, ao tocar nessa superfície e depois levar a mão aos olhos, nariz ou boca, acaba sendo contaminada.

Já com o uso da máscara, as gotículas de saliva são bloqueadas pelo tecido e, assim, toda a cadeia de transmissão do vírus é interrompida já no início.

O Governo de Mato Grosso já entregou mais de 50 mil máscaras aos servidores públicos e à população carente, e continuará a fazer a distribuição ao longo da pandemia. Durante a entrega, as pessoas são orientadas sobre o uso obrigatório da máscara e, ainda, a manter um distanciamento mínimo de 1,5 metros entre si, além de lavar constantemente as mãos e utilizar álcool em gel para higienização.

Também foi feita uma parceria entre o Governo e o Senai para a confecção de 5 milhões de máscaras, que estão sendo distribuídas aos hospitais municipais, regionais, servidores de saúde, sistema penitenciário e dos órgãos públicos.

Fonte e Foto | Secom-MT

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *