Ele também recebeu das mãos das crianças miniaturas de fetos

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (23) que, enquanto ele for presidente, não haverá aborto no Brasil. O chefe do Executivo parou, como de costume, na saída do Palácio da Alvorada para cumprimentar apoiadores e ouviu um coral de crianças levadas ao local pelo padre polonês Pedro Stepien.

As crianças entoaram músicas religiosas e fizeram um pedido ao final: “Senhor presidente, temos um pedido para o senhor: defenda nossos coleguinhas. Não queremos aborto”.

Bolsonaro então respondeu: “Enquanto eu for presidente, não haverá”. Ele também recebeu das mãos das crianças miniaturas de fetos. “Muito bom começar o dia assim”, disse, após ouvir mais um dos louvores. Bolsonaro ainda foi presenteado por outro apoiador com uma escultura. Ao final, Bolsonaro não concedeu entrevistas e seguiu para o Palácio do Planalto.

STF analisa casos de zika

Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), marcou para esta sexta-feira (24/4) o julgamento pela descriminalização do aborto em casos de grávidas infectadas pelo zika vírus. A ação foi proposta pela Associação Nacional de Defensores Públicos (Anadep). A votação, se mantida na agenda, será realizada por meio virtual.

Fonte | C. Braziliense
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *