O pai já tinha sete filhos, quando recebeu as cinco crianças pequenas em sua casa

Um pai solteiro de Buffalo, nos Estados Unidos, tomou uma linda decisão ao saber que cinco irmãos foram separados. Lamont Thomas sempre quis fazer a diferença na vida de crianças que precisam de ajuda. E há mais de 20 anos ele está empenhado nessa causa.

Em 2000, ele ajudou um amigo que tinha problemas com o filho. Desde então essa relação com os pequenos nunca mais parou. Lamont já resgatou das ruas mais de 30 crianças e adolescentes. “No começo, eu estava ajudando alguns amigos. Eles haviam perdido os filhos para o sistema. Me tornei uma espécie de papai adotivo”, afirmou Lamont, ao programa “Good Morning America”.

Além de ajudar dezenas de crianças, ele ainda adotou definitivamente outras cinco. Isso sem contar Anthony e LaMonica, seus dois filhos biológicos. A primeira adoção foi em 2007 quando recebeu os gêmeos Germayne e Tremayne. Depois veio o terceiro filho Jamie, seguido por German. Foi quando o homem decidiu adotar legalmente a primeira criança que ajudou – Michael.

“Ele conheceu meus pais biológicos. Foi meu terceiro lar adotivo e acabou sendo meu lar para sempre. Lamont nunca recusou uma criança. Alguns ficaram com ele até se tornarem adultos e outros voltaram para suas próprias famílias”, relembra o filho Michael, que hoje tem 27 anos. Com os sete filhos já crescidos, Lamont pensava que seu propósito de vida estava concluído.

Foi quando ele soube de uma história que o fez repensar sua “aposentadoria de papai”. Zendaya, Jamel, Nakia, Major e Michaela (5, 4, 3, 2 e 1 ano, respectivamente) eram filhos de um de seus ex-filhos adotivos. As crianças foram tiradas dos pais por negligência. Quando soube disso, ele não pensou duas vezes para voltar a se candidatar para adoção e poder reunir os pequenos, que estavam separados há mais de um ano e meio.

Junta-los novamente não foi tarefa fácil, afinal eles estavam vivendo em casas e em cidades diferentes. Em outubro do ano passado, Lamont conseguiu a guarda definitiva das crianças. Agora ele tem 12 filhos, incluindo cinco com menos de 6 anos de idade. “Eles trazem uma nova energia para mim. São filhos adoráveis e muito carinhosos. Eles merecem ser criados como irmãos e essa foi a minha luta. Eu sempre quis fazer a diferença, sendo a diferença. Amo o que faço”, conclui o papai.

Lamont é pai de 12 filhos, no total
O pai chorou quando recebeu a guarda dos pequenos

Fonte | R7   Fotos | Divulgação

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *