Clélio Dirkes de Oliveira é conhecido da PM por ter sido preso outras vezes, inclusive por se apresentar como policial rodoviário federal.

Clélio Dirkes de Oliveira, de 60 anos, foi preso na noite de quinta-feira (05), no Shopping Estação, em Cuiabá, após assediar sexualmente uma funcionária que trabalhava no local como assistente do Papai Noel, de 18 anos.

A situação ocorreu por volta das 20h, no local onde os clientes eram recepcionados para a decoração de Natal.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima que tem 18 anos, relatou que Clélio foi a sua direção e se aproximou tentando abraçá-la, porém, colocou os dois braços na frente do corpo para se proteger do assediador.

Ainda de acordo com a vítima, outra assistente do Papai Noel presenciou a cena. Conforme a testemunha, o homem ainda continuou forçando o abraço na vítima e nisso tentou beijá-la, mas ela conseguiu abaixar o rosto e Clélio acabou beijando sua cabeça.

Contudo, a jovem conseguiu se soltar dos braços do homem e correu para o banheiro chorando. Populares detiveram o acusado que, em seguida, foi encaminhado para a Central de Flagrantes.

Clélio é reincidente. Em julho passado, ele foi preso por ameaçar o cliente de uma casa de carne em Cuiabá com uma arma. Ele na ocasião teria dito à vítima que iria “arrebentá-la” e terminou preso.

Ainda conforme as informações, o acusado se apresentou no local como policial Rodoviário Federal.

Em outra oportunidade Clélio foi preso por agredir a ex-esposa e o filho. Nesse caso ele acabou sendo detido também por mentir que é da PRF.

Fonte | RMT

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *