Populares se revoltaram e quebraram viatura; prefeito afasta agentes

Imagens divulgadas pelo circuito interno de segurança de uma das ruas do bairro Altos da Serra II, em Cuiabá, mostram o momento em que agentes de trânsito que estavam em um carro da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) atropelam um moto-taxista que estava na via. A situação teria acontecido no final da manhã desta terça-feira (3).

Preliminarmente, a pasta havia informado que estava realizando fiscalização de veículos privados naquela região, e que por conta disso, teria pedido para o homem que estava em uma moto parar. Segundo eles, o rapaz que já havia sido autuado em uma blitz teria desrespeitado a ordem, saindo em fuga e, na sequência, teria perdido o controle da moto e caído no chão.

No entanto, nas imagens das câmeras de segurança é possível verificar que o homem que pilotava a moto é perseguido pelos fiscais e, em determinado momento, acaba sendo ‘encurralado’. Na sequência, é atropelado pelo carro da Semob.

Após o fato, os agentes teriam chamado o Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu), que levou a vítima para o hospital. O homem teve apenas ferimentos leves.

Em reação a situação acometida pelos servidores da prefeitura, populares acabaram apedrejando o carro da Semob que foi utilizado na ação. Porém, ninguém se feriu.

AFASTAMENTO

Na manhã desta quarta-feira (4), após tomar conhecimento da situação e logo após a divulgação do vídeo, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), decidiu afastar os dois ‘amarelinhos’ envolvidos nesta situação. O caso agora deverá ser investigado e os dois servidores envolvidos poderão até perder seus cargos ocupados dentro da pasta. A prefeitura de Cuiabá divulgou uma nota a respeito da decisão: “O prefeito Emanuel Pinheiro tomou conhecimento do vídeo nesta madrugada e já determinou imediata medidas punições cabíveis. Inclusive, com  afastamento e ou, exoneração dos respectivos servidores. 

Cabe ressaltar, que atitudes como estas são repudiadas pela gestão Emanuel Pinheiro – que prima pelo respeito e humanização à população, por meio dos serviços públicos”.

Fonte | Folhamax

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *