Suspeito é réu em dois processos por porte ilegal de arma e tráfico de drogas.

Em audiência de custódia realizada nesta sexta-feira (12), em Campo Verde, a 139 km de Cuiabá, a juíza Caroline Schneider Simões decretou que a prisão em flagrante de Paulo André de Oliveira, de 36 anos, seja convertida em preventiva.

Paulo é suspeito de matar a mulher dele, Bruna Francisca da Silva , na madrugada de quinta-feira (11). O corpo da vítima foi encontrado pela mãe dela, nos fundos da residência, na zona rural do município.

A mãe contou à polícia que o rosto da filha estava desfigurado e o corpo tinha vários ferimentos. Ela chamou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que constatou a morte.

Bruna Francisca da Silva assassinada pelo marido em Campo Verde — Foto: Facebook/Reprodução

Bruna Francisca da Silva assassinada pelo marido em Campo Verde — Foto: Facebook/Reprodução

Leia também: Jovem É Espancada Até A Morte Pelo Marido E Tem Rosto Desfigurado Em Campo Verde

Ainda segundo a mãe de Bruna, ela viu o casal discutindo após chegarem de uma festa. A mulher disse que tentou intervir quando o Paulo começou a agredir a vítima.

Entretanto, o suspeito a impediu, tomando o celular da sogra e obrigando-a a se trancar em um dos quartos da casa.

Após buscas, a polícia consegui prender o suspeito. No texto da decisão, a Justiça afirma que Paulo já é réu em dois processos. Um deles, por porte ilegal de arma e tráfico de drogas.

Fonte | G1

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *