O deputado Thiago Silva (MDB) demonstrou preocupação com a decisão judicial favorável ao Ministério Público Federal e Funai para a reintegração de posse aos índios da etnia Bororo, na região do Distrito de Jarudore, de uma área total de 4.706 hectares.

De acordo com a sentença em prazo máximo de 90 dias as centenas de famílias que têm propriedades na localidade,  deve desocupar a área.
O parlamentar explica que a preocupação é com famílias que, e em muitos casos, estão há mais de 50 anos no local. “Tem muita gente lá que sobrevive da agricultura familiar que não tem outra fonte de renda, o vereador Geovane de Poxoréu, fez esse alerta para a gente”,  disse o deputado.

Jarudore é distrito de Poxoréu e na área vive famílias, pequenos produtores, e um grupo de pessoas ligadas à produção de gado de corte e leite.
Thiago Silva defendeu uma ação junto ao governo para que, caso a decisão seja mantida, haja uma compensação para as áreas. “Digo isso para que essas famílias não sejam prejudicadas”, destacou o parlamentar.

Ele ainda disse que está acompanhando de perto da situação e também estuda uma ação conjunta com demais parlamentares para evitar que o local viva uma situação de calamidade.

Fonte | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *