Suspeita de abuso sexual foi descartada por equipe da Politec. Delegado informou que adolescente de 11 anos foi internada duas vezes na UTI nos últimos meses.

Uma equipe da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) foi chamada para atender uma ocorrência em um hospital particular, na tarde de quinta-feira (13), em Cuiabá. Uma adolescente de 11 anos teria dado entrada na unidade já em óbito e a equipe médica levantou a suspeita de abuso sexual.

Entretanto, uma equipe Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), esteve no local para apurar a causa morte e a hipótese de violência sexual foi descartada. No entanto, enfermeiros que participaram do atendimento alegam que a menina tinha ferimentos na genitália.

De acordo com o delegado Marcel Gomes de Oliveira, a menina apresentava um histórico de acompanhamento médico. Nos últimos meses, foi internada duas vezes em uma Unidade de Tratamento Intensiva (UTI), em decorrência dos problemas de saúde.

O caso também foi registrado no Conselho Tutelar da capital. A Polícia Civil vai investigar o caso. Um laudo sobre a causa morte deve ser divulgado em 30 dias.

Fonte | G1

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *