Um dos criminosos envolvido no assassinato de um líder sindicalista do Pará foi preso na manhã desta quinta-feira (28), pela Polícia Judiciária Civil, em Guarantã do Norte (715 km ao Norte). O suspeito Jorge Luis Siqueira , conhecido como “Jorge Juara”, estava com mandado de prisão preventiva expedido pela comarca de Novo Progresso, Estado do Pará , pelo crime de homicídio que vitimou Aloísio Sampaio do Santos, que era conhecido por “Alenquer”, ocorrido no dia 11 de outubro de 2018 .

Os policiais civis receberam a denúncia de que Jorge estaria circulando pela cidade em uma caminhonete S10 com a lanterna quebrada. As equipes das Delegacia Municipal e Regional de Guarantã do Norte realizaram diligência pela cidade, até que localizaram o suspeito no bairro Cotrel.

O suspeito foi encaminhado para Delegacia e o mandado de prisão foi cumprido. A Polícia Civil comunicou a prisão à comarca de Novo Progresso (PA), para que o preso seja removido aquele estado, onde responde pelo assassinato do líder sindical.

O líder sindical foi morto a tiros dentro da própria casa, onde também era a sede do Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura Familiar de Castelo dos Sonhos. Ele era sindicalista há mais de 30 anos.

Fonte | Folhamax

Powered by Rock Convert
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *