Motorista de aplicativo de corrida sofre assalto e é baleado na cabeça

A PM intensificou as rondas e faz buscas na região para localizar o possível autor da tentativa de homicídio contra o trabalhador

O motorista de aplicativo de corrida, Anderson Marcelo Lopes Caldeira, 29, foi baleado na cabeça na manhã desta quarta-feira (20), durante um roubo e precisou ser encaminhado ao Pronto-Socorro de Várzea Grande (Região metropolitana de Cuiabá-MT, onde aguarda por cirurgia.

De acordo com as informações iniciais, a vítima estava com um passageiro que ainda não foi identificado, quando foi anunciado o roubo. O automóvel do motorista, veículo Gol foi localizado em uma estrada de chão, no bairro Serra Dourada, região da Guarita em Várzea Grande.

A Policia Militar intensificou as rondas e faz buscas na região para localizar o possível autor da tentativa de homicídio contra o trabalhador. A PM informou que no automóvel encontrado havia muito sangue.

A Polícia Civil também já atua no caso e auxilia a Polícia Militar para localizar o criminoso. A assessoria de imprensa do Pronto-Socorro de Várzea Grande informou que Anderson ainda não está em cirurgia, e aguarda avaliação pra ver se pode ser submetido. O estado do motorista é gravíssimo.

Circuito Mato Grosso em conversa com a assessoria da Uber em São Paulo, foi informado que Anderson não possui cadastro na empresa, e que o mesmo nunca realizou nenhuma corrida pelo aplicativo Uber.

Foto: Rogério Florentino

Fonte | Olhar Direto

 

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *