No último fim de semana ocorreu a primeira etapa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), um passo importante para os 480 alunos que concluíram o curso pré-vestibular Zumbi dos Palmares ofertado gratuitamente pela Prefeitura de Rondonópolis durante todo o ano de 2018.

No total, 600 vagas foram oferecidas no início do ano, com 518 preenchidas, porém 480 alunos concluíram o curso no dia 31 de outubro realizando o simulado aplicado em parceria com a Unicesumar, responsável pela elaboração das questões do simulado de acordo com os conteúdos abordados nas aulas do cursinho.

Entre os alunos matriculados, algumas conquistas já estão sendo comemoradas, há uma aprovação na Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) e três bolsas para cursos de graduação na Unicesumar.

2019

A pedido do prefeito José Carlos do Pátio, o cursinho será ampliado no próximo ano, ofertando mil vagas, um aumento de 66% das vagas. Assim, aumentará também os bairros atingidos com a abertura de mais quatro novos locais para as aulas, estando no projeto duas unidades de ensino na Vila Salmen, uma na Vila Olímpia e uma na Vila Mamed.

Atualmente as vagas são distribuídas em seis polos sendo na Escola Sagrado Coração de Jesus na região central da cidade, na Escola Estadual Daniel Martins de Moura na Vila Operaria, na CPAC São José no Conjunto São José, na Escola Edivaldo Zuliani Belo no Jardim Participação e na Escola Municipal Bonifácio Sachetti no Parque São Jorge.

O seletivo para os profissionais que atuaram no cursinho será feito no mês de janeiro e as inscrições para os interessados em estudar serão abertas em fevereiro, com previsão do início das aulas no dia 4 de março e encerramento no dia 31 de outubro.

Alunos dos anos finais do ensino médio que estudam em escola pública ou quem já concluiu o segundo grau podem se inscrever no cursinho para terem acesso às aulas que ocorrerem de segunda a sexta-feira, das 18h30 às 21h45 com entrega de apostila com o conteúdo a ser estudado, uniforme composto por camiseta e refeição gratuitas.

Além de ser preparatório para o Enem, o conteúdo ministrado em sala de aula também serve como base para curso técnico, concurso público e outros vestibulares.

Fonte | Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *