Uma pesquisa do Pew Research Center mostra que usuários do Facebook nos Estados Unidos mudaram sua relação com a rede social, após o caso do Cambridge Analytica em março deste ano. O levantamento realizado pelo centro mostra que 74% dos entrevistados tomaram alguma medida de segurança e privacidade nos últimos 12 meses.

A pesquisa não faz uma relação direta, citando o Cambridge Analytica diretamente, mas busca compreender se usuários mudaram sua rotina após o uso indevido de dados de 87 milhões de contas da plataforma.

Segundo o centro, 54% das pessoas mudaram suas configurações de privacidade na plataforma nos últimos 12 meses. Ainda, 42% deram um tempo da rede social por uma semana ou mais e ainda 26% deletaram o app do Facebook de seus smartphones. No total, 74% dos entrevistados disseram ter feito alguma destas ações citadas.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O Pew Research ainda concluiu que, independente de relação com partidos (Democrata ou Republicano), usuários modificaram a forma como usam a rede social da mesma forma. A suspeita é de que os dados utilizados no caso Cambridge Analytica tenham colaborado para a campanha que elegeu Donald Trump, em 2016, pelo partido Republicano.

Em termos etários, a pesquisa também mostrou uma variação de atividades entre os mais novos e os mais velhos. Os usuários abaixo dos 29 anos foram os mais propensos a reverem sua relação com o Facebook. Neste grupo, 64% disseram ter ajustado as configurações de privacidade; 47% deram um tempo para a rede social; e 44% deletaram o programa de seus smartphones.

Em contrapartida, os mais velhos, acima dos 65 anos, se mostram mais inertes à questão, sendo que apenas 33% dos entrevistados mudaram suas configurações na plataforma.

Por fim, o Pew Research também revela que apenas 9% dos entrevistados baixaram todos os dados que possuem na rede social. Contudo, dentre os que fizeram isso, 47% deletaram o app do smartphone, sendo que 79% mudaram as configurações de privacidade de sua conta.

O centro de pesquisa levantou dados entre 20 de maio e 11 de junho com mais de 3400 usuários adultos norte-americanos. A pesquisa completa está disponível no site do centro.

Fonte | Pew Research Center

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *