Suspeito disse à polícia que matou Raimundo Pereira Ibiapina, de 72 anos, porque a vítima teria desconfiado de que ele seria foragido da Justiça.

A Polícia Civil prendeu, na terça-feira (20), o suspeito de matar um caseiro durante um assalto a uma chácaralocalizada na região conhecida como Rodovia do Peixe, em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. O crime foi cometido no último dia 15 e a vítima, Raimundo Pereira Ibipiano, de 72 anos, foi morta a pauladas e machadadas, segundo a polícia.

O suspeito foi identificado como Solon Pereira de Souza e estava com ordem de prisão decretada pela Justiça de Goiás. À polícia, ele confessou o crime e afirmou que era monitorado por tornozeleira eletrônica, mas que rompeu o dispositivo dois dias antes de cometer o latrocínio.

Segundo a polícia, após matar o idoso, o suspeito arrombou a porta do quarto da casa e subtraiu uma espingarda e diversos cartuchos, além de uma faca, lanterna e apetrechos para recarregar munição.

Após o crime, ele foi visto por algumas pessoas pegando carona e carregando os pertences da vítima. A Polícia Militar tentou abordá-lo, mas ele fugiu para uma região de mata, abandonando os objetos roubados.

Ele foi localizado e preso por policiais civis da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf-Roo) próximo ao local do crime.

O suspeito relatou que estava escondido na mata quando teve contato com a vítima. Depois de algum tempo, o idoso teria percebido que ele era foragido da Justiça. Diante da desconfiança da vítima, os dois teriam entrado em luta corporal, que resultou na morte da vítima.

Após ser preso, o suspeito foi levado para a delegacia, onde foi formalmente ouvido. Durante checagem no sistema, foi constatado que ele era considerado foragido pela Justiça de Goiás.

Fonte | G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *