A Polícia Civil vai investigar se os jovens são recrutados por facções criminosas para cometerem crimes. Droga saiu de Dourados, no Mato Grosso do Sul.

O carregamento de 750 tabletes grandes da droga, pesando mais de um quilo cada um, estava dentro de um único veículo, modelo Sandero. Segundo a Polícia Civil, outros dois carros davam apoio ao transporte da droga pela rodovia.

Droga saiu de Dourados, no Mato Grosso do Sul, e iria para três cidades de Mato Grosso (Foto: Polícia Civil de MT/Assessoria)

Droga saiu de Dourados, no Mato Grosso do Sul, e iria para três cidades de Mato Grosso (Foto: Polícia Civil de MT/Assessoria)

Os veículos eram conduzidos por Raian Rany Carrijo, de 28 anos, Anderson Junior Alves do Nascimento, de 24, e Cristiano da Silva Stati, de 23. Os três foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, receptação e corrupção de menores.

As investigações iniciaram após a Delegacia de Polícia de Tangará da Serra receber informações sobre um carregamento de entorpecente que viria de Mato Grosso do Sul. A droga seria comercializada nas três cidades.

Os policiais começaram a apurar a atuação do grupo, as rotas e os veículos que seriam usados. A Polícia Civil montou três equipes nas saídas da cidade de Rondonópolis.

Tabletes de droga estavam em todos os compartimentos do veículo abordado em Rondonópolis (Foto: Polícia Civil de MT/Assessoria)

Em uma dessas rotas, os investigadores perceberam a aproximação de dois carros, que poderiam ser da quadrilha. O primeiro veículo, Uno, foi abordado ao se aproximar de um ponto de pedágio. O carro era conduzido por Anderson na companhia de Cristiano e do adolescente.

O segundo veículo, conduzido por Rany, e estava cheio de tabletes de maconha. No interior do carro foram encontrados 750 tabletes, acomodados em todas as partes do carro. Com os suspeitos foram apreendidos aparelhos celulares e mais de R$ 1,2 mil em dinheiro.

Também foi percebido que o chassi da placa do Sandero não correspondia com a numeração dos vidros. Em consulta foi constatado se tratar de um veículo roubado no dia 14 de novembro, em Cuiabá.

Os quatro envolvidos foram detidos e junto com o carregamento conduzidos à Derf Rondonópolis. A Polícia Civil vai investigar se os jovens são recrutados por facções criminosas para cometerem crimes.

Fonte | G1

Powered by Rock Convert
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *